VIDA DE BLOGUEIRA
entrevistacoletiva20131_thumb.jpg
Entrevista coletiva do Aromas e Sabores

FavoriteLoadingAdicione essa receita/dica ao seu livro de receitas

Este ano, estou participando da série de entrevistas coletivas  idealizada pela Andréa do blog Aromas e Sabores. São 10 blogs participando, e cada blogueiro é encarregado de entrevistar um colega.

Eu entrevistei uma amiga que adoro e que tive a felicidade de conhecer pessoalmente no ano passado no Encontro Gourmet em São Paulo. Conheçam então, um pouco mais da querida e dedicada Rachel Azevedo que escreve o blog Na Biroskinha.

392335_272981699404972_12135528_n

Nome:  Rachel Azevedo

Cidade –  Taubaté – São Paulo

Blog: Na Biroskinha

 

1 – Eu já te perguntei anteriormente, mas precisava iniciar a entrevista com essa pergunta: Como foi que surgiu o nome Na Biroskinha para o blog?

O nome do blog veio de uma expressão usada por meu filho na época em que eu tinha uma cantina e costumava levar alguns itens da minha casa lá… de forma que, toda vez que ele procurava alguma coisa em casa e não encontrava ele dizia: “Ah, deve estar lá na Biroskinha da mãe!” Desde então o nome Na Biroskinha pegou… Embora muita gente não entenda, para nós tem todo um significado…rs!

2 – O que o Na Biroskinha significa pra ti e o que ele tem de melhor?

Para mim é um desafio constante, pois sou muito tímida e às vezes não consigo me expressar como queria. E foi através do blog e da interação com as amigas e seguidores que aos poucos fui melhorando.

3 – Qual a parte mais difícil de manter um blog de culinária?

Você tem que ter um comprometimento diário com seu público, não é só preparar uma receita e colocar lá, por vezes as dúvidas e questionamentos chegam e você tem de estar atenta para responder e não deixar ninguém sem uma resposta. Tem também a questão do retorno das visitas recebidas, prestigiar as amigas com a sua é tarefa árdua, pois ao longo dos anos nosso blogroll cresceu muito…rs!

4 – Como tu escolhe as receitas e as fotos que serão publicadas?

Normalmente as receitas que entram no blog são as preparadas em casa, para o meu consumo e do meu marido. Como somos só nós dois e damos preferência para porções pequenas o que mais se vê no blog são receitas práticas e rápidas, porções e acompanhamentos, porém, vez por outra os pratos mais requintados estão presentes.

No momento estou de dieta… afinal, ter um blog de culinária engorda e muito…rs. Por esse motivo receitas light e diets estão em evidência, o que acaba trazendo também um outro público, e isso é muito bom.

As fotos são tiradas em vários closes e aquela que me enche os olhos e me faz salivar é a que vai para o blog.

5 – Cada um tem seu jeito de escrever, e mesmo falando sobre o mesmo assunto, nossos blogs acabam sendo diferentes. O que você considera ser o diferencial do seu blog? E o que você considera ser essencial para que um blog de culinária consiga leitores e seguidores fiéis?

Minha filha diz que eu escrevo como estou pensando, e como penso muitas coisas ao mesmo tempo, na hora de escrever a coisa complica, às vezes fica até difícil entender o que queria dizer e tenho que escrever de novo.

Gosto de contar algum caso relacionado com a receita e tenho percebido que as pessoas lêem os posts inteiros, pois nos comentários sempre vejo alguma referência ao que falei no meio dele.

Acho que essa forma de explanação e interação com os leitores funciona e muito… gosto disso, pois é assim que consigo me abrir e mostrar exatamente o que quero.

6 – Qual sua receita favorita e qual sua maior habilidade na cozinha?

Sou uma glutona… gosto de comer de tudo, não tem um alimento que eu diga que não goste. Confesso que os panelões são os meus favoritos… adoro preparar um panelão de putchero, dobradinha, feijoada… essas coisas…rsrsrsrs!

7 – Como é a sua relação com os leitores? O que eles mais gostam no blog?

Minha relação com eles é ótima, sinto que gostam de mim e do blog, acho que consigo mostrar a eles que o que faço é com paixão e que primo por qualidade acima de tudo.

8 – Quer deixar algum recado ou dica?

Minha dica é sobre exatamente o que falei na resposta anterior… quando for cozinhar para alguém… faça com amor, carinho e atenção, acredito sinceramente que nossas energias ficam no alimento e que cozinhar é um modo de amar os outros!!!

Obrigada Rachel pelo carinho e atenção em responder minhas questões. Te admiro ainda mais. Beijos.

Um abraço

Alessandra

☆ ☆ ☆
Se você gostou desse post compartilhe! Espalhe coisas boas!


Eu não me interessava pela cozinha até os 30 anos, achava tudo complicado e difícil de fazer. Mas quando descobri que isso podia ser diferente, me apaixonei por culinária.

5 Comentários
Alessandra Miliatti

8 de agosto de 2013 21:15 Responder

Olá Meninas! Parabéns pela entrevista 🙂 Você tem razão Rachel blog de culinária engorda mesmo!!! rs Mas nada melhor do que pilotar nossas panelas não é!
Bjosss

angela

8 de agosto de 2013 22:59 Responder

parabéns meninas!

Rachel Azevedo

9 de agosto de 2013 11:01 Responder

Alessandra, o prazer foi meu. Saber que seria entrevistada por você me deixou mais tranquila… desde o ano passado quando nos conhecemos e passamos alguns momentos juntas, para mim foi como se tivesse reencontrado uma amiga que a muito não via, meu santo bateu com o seu logo de cara…rsrsrs!
Tomara que tenhamos um novo encontro esse ano, afinal o EG2 vem aí!!!
Agradeço o carinho… Beijão!!! ♥

Lylia

12 de agosto de 2013 13:45 Responder

OI Alessandra,
Estou adorando ler essas entrevistas. A gente vai conhecendo nossas amigas blogueiras. Por exemplo, eu nem sabia a origem do nome “Biroskinha”, hoje descobri o porquê.
Estou atrasada nas leituras das entrevistas, pois tenho corrido muito nos últimos dias. Ainda vou ler a sua, depois lhe conto.
Bj e ótima semana,
Lylia

Comente